Encontre aqui a resposta à sua pergunta:

O que é a identificação electrónica?

A identificação electrónica consiste na aplicação de um microchip, capaz de ligar os dados do detentor do animal à base de dados. A identificação pode ser feita em todas as espécies animais e só pode ser efectuada por Médicos Veterinários.

O porquê do animal ser inscrito na Base de Dados SIRA:

O objectivo da Base de Dados SIRA é a recuperação animal. Se o animal estiver meramente microchipado, essa informação não contribui em nada para a segurança e o bem estar do mesmo e de terceiros. Só uma identificação plena, com microchipagem, inscrição em base de dados e  actualização constante da informação podem assegurar eficiência na recuperação animal.

Que animais podem estar / devem estar inscritos? E a partir de que idade?

Todos os animais, independentemente da espécie e raça podem ser inscritos na Base de Dados SIRA.
Neste momento é obrigatória a identificação com microchip exclusivamente para os canídeos, nascidos depois de Julho de 2008, que devem ser identificados a partir dos 3 meses.

O que é um microchip e como funciona?

O microchip é uma pequena cápsula electrónica do tamanho de um grão de arroz que possui um código de barras individual, único e permanente, que é detectável através de um aparelho de leitura próprio.
Através do número de microchip e uma vez inscrito na Base de Dados, é possível apurar qual o detentor do animal, o que facilita a recuperação de animais que se encontrem perdidos.

Como é que é aplicado o microchip?

O microchip é colocado sob a pele do animal através de uma injecção indolor, na face lateral esquerda do pescoço. Após a inserção do microchip, este não pode ser removido.

Onde posso microchipar o meu animal?

Cabe ao detentor dos animais a responsabilidade de assegurar a identificação dos mesmos. Dessa forma o detentor deverá dirigir-se a um Centro de Atendimento Médico Veterinário, ou solicitar a um Médico Veterinário a Identificação do seu animal.

O que me deverá ser dado no processo de inscrição e identificação do animal?

Depois de identificado o animal, o Médico Veterinário deve preencher a inscrição, via Sistema Online onde pode imprimir um comprovativo para entregar ao detentor, ou através de boletins manuais quadriplicados, entregando o original e um duplicado ao detentor e remetendo o outro duplicado para a base de dados.

O microchip tem algum sistema de geolocalização?

Embora tenhamos conhecimento de alguns sistemas, razoavelmente dispendiosos, de geolocalização para animais, não temos ainda conhecimento de nenhum sistema de microchip com geolocalização, nem de qualquer tecnologia que miniaturize a esse ponto, sem fornecimento de energia constante, um sistema de geolocalização.
Já se podem encontrar no mercado sistemas de coleira com geolocalização e bateria integrada, mas estes são ainda bastante dispendiosos e com uma autonomia muito limitada.

Como posso verificar se o meu animal está inscrito na Base de Dados SIRA?

A verificação da inscrição de um animal na Base de Dados Sira requer apenas o conhecimento do número de microchip e pode ser feita aqui.

O que devo fazer caso o meu animal tenha desaparecido?

O detentor do animal deve logo contactar os serviços do SIRA, um Centro de Atendimento Médico-Veterinário ou o Médico Veterinário assistente do seu animal para que possa ser aberto um processo de Animal Perdido, devendo ter consigo o Número de Identificação Electrónica do seu animal. Para mais informações sobre o que fazer nestas situações clique aqui.

Poderá também preencher o formulário disponibilizado aqui.

O que devo fazer caso tenha encontrado um animal?

Quem encontra um animal deve dirigir-se a um Médico Veterinário ou Centro de Atendimento Médico Veterinário, para que seja efectuada uma leitura do microchip do animal a fim de se apurar o Número de Identificação Electrónica do memso. Após a leitura do microchip, o Médico Veterinário ou Centro de Atendimento Médico Veterinário contacta os serviços do SIRA ou consulta a Base de Dados através do SIRA Online para recolher os dados do detentor e entrar em contacto com este.
Pode ainda ser aberto um formulário de Animal Encontrado aqui.
Para saber mais informações sobre o que fazer nestas situações clique aqui.

O que devo fazer caso queira actualizar os meus dados no SIRA?

Qualquer actualização dos seus dados no SIRA pode ser feita junto do Médico Veterinário assistente do seu animal.

O que devo fazer caso queira ceder o meu animal?

O detentor do animal deve preencher uma Declaração de Cedência, que se encontra aqui disponível e dirigir-se a um Médico Veterinário ou Centro de Atendimento Médico-Veterinário para a validação e processamento da alteração.

O que é a Europetnet?

A Europetnet é uma organização sem fins lucrativos, da qual o SIRA é membro, que liga diversas Bases de Dados de países europeus num único website acessível a todos os seus visitantes. Estando todos os animais inscritos no SIRA disponíveis para pesquisa nesta rede.
A vantagem deste sistema passa pela partilha de dados a nível europeu visto que, sempre que um animal registado em Portugal viajar para o estrangeiro, passa a ser possível apurar em que base de dados se encontra registado e contactar o seu detentor caso o animal se perca.

Como posso dar baixa do meu animal por falecimento?

Nestas situações o detentor deve contactar o Médico Veterinário assistente do animal ou um Centro de Atendimento Médico-Veterinário. Caso o animal esteja licenciado deve também dirigir-se à Junta de Freguesia a fim de solicitar que seja dada a baixa do animal.

Perdi o Documento comprovativo da inscrição do meu animal no SIRA. Como posso obter um novo Documento?

As segundas vias dos Documentos de inscrição de um animal na Base de Dados SIRA podem ser emitidas em qualquer Centro de Atendimento Médico-Veterinário com ligação ao SIRA ONLINE.

Não encontrou a resposta?

Caso não tenha encontrado resposta à sua pergunta, por favor, preencha o formulário abaixo.

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Assunto (obrigatório)

Mensagem